Orações à Santíssima Trindade

Adoração ao Pai Eterno.

Pai-Nosso, um Ave-Maria e um glória.

Oração:

Vos adoro, Oh! Pai eterno, com toda a corte celestial, meu Deus e Senhor, e vos dou infinitas graças em nome da Santíssima Virgem, vossa filha muito amada, por todos os dons e privilégios com que a adornastes, especialmente por aquele poder com que a enaltecestes em sua gloriosa Assunção aos céus.

Adoração ao Eterno Filho.

Pai-Nosso, Ave-Maria e glória.

Oração:

Vos adoro, Oh! Eterno Filho, com toda a corte celestial, meu Deus, Senhor e Redentor, e vos rendo graças infinitas em nome da Santíssima Virgem, vossa muito amada mãe, por todos os dons e privilégios com que a adornastes, especialmente por aquela suma sabedoria com que a ilustrastes em sua gloriosa Assunção ao céu.

Adoração ao Espírito Santo.

Pai-Nosso, Ave-Maria e glória.

Oração:

Vos adoro, espírito Santo Paráclito, por meu Deus e Senhor, e vos dou infinitas graças com toda a corte celestial em nome da Santíssima Virgem, vossa amantíssima Esposa por todos os dons e privilégios com que a adornastes, especialmente por aquela perfeitíssima e divina caridade com que inflamastes seu santíssimo e puríssimo coração no ato de sua gloriosíssima Assunção ao céu; e humildemente vos suplico em nome de vossa imaculada Esposa, me outorgueis a graça de perdoar me todos os gravíssimos pecados que tenho cometido desde o primeiro instante em que pude pecar; até o presente, os quais me doem infinitamente: faço firme propósito de morrer antes que voltar mais a ofender a vossa divina Majestade; e pelos altíssimos méritos e eficacíssima proteção de vossa amantíssima Esposa vos suplico me concedais a mim o preciosíssimo dom de vossa graça e divino amor, dando me aquelas luzes e particulares auxílios com os quais vossa eterna Providência tinha determinado salvar-me, e conduzir-me a Vós.

Oração a Santíssima Virgem

Vos reconheço e vos venero, Oh! Virgem Santíssima, Rainha dos céus, Senhora e Patrona do universo, como a filha do eterno Pai, mãe de seu diletíssimo Filho, e Esposa amantíssima do Espírito Santo; e prostrado aos pés de vossa grande Majestade com a maior humildade vos suplico por aquela divina caridade; de que fostes sumamente cheia em vossa Assunção ao céu, que me obtenhais a singular graça e misericórdia de por-me sob vossa seguríssima e fidelíssima proteção, e de receber-me no número daqueles felicíssimos e afortunados servos que levais escritos em vosso virginal peito. dignai-vos, Oh! mãe e Senhora minha clementíssima, aceitar meu miserável coração, minha memória, minha vontade, e as demais potências e sentidos meus interiores e exteriores;

Aceitai meus olhos, meus ouvidos, minha boca, minhas mãos e meus pés, regei-os conforme ao beneplácito de vosso Filho, a fim de que com todos os meus movimentos tenha a intenção de tributar-vos glória infinita. e por aquela sabedoria com que vos iluminou vosso amantíssimo Filho, vos rogo e suplico me alcanceis luz e claridade para conhecer-me bem a mim mesmo, meu nada, e particularmente meus pecados, para odiá-los e detesta-los sempre, e alcançai-me a luz para conhecer as tentações do inimigo infernal e seus combates ocultos e manifestos.

Especialmente, piedosíssima Mãe minha, vos suplico a graça (mencionar).

Oração à Santíssima Trindade por sua Santidade João Paulo II

Bendito sejas, Pai, que em vosso infinito amor nos tem dado a vosso Unigênito Filho, feito carne por obra do Espírito Santo no seio puríssimo da Virgem Maria, e nascido em Belém faz agora dois mil anos.

Ele se tinha feito nosso companheiro de viagem e tinha dado novo significado a historia, que é um caminho feito juntos, no trabalho e no sofrimento, na fidelidade e no amor, até aqueles céus novos e até aquela terra nova, na que Tu, vencida a morte, serás tudo em todos.

Adoração e glória a Vos, Trindade e Santíssima, único e sumo Deus!

Faça Pai, que por tua graça o ano jubilar seja um tempo de conversão profunda e de alegre retorno a Vos;

Concedei-nos que seja um tempo de reconciliação entre os homens e de redescobrir a concórdia entre as nações; tempo no que as lanças se troquem em rosas, e ao fragor das armas sucedam cantos de paz.

Concedei-nos, Pai, viver o ano jubilar dóceis a voz do espírito, fiéis no seguimento de Cristo, assíduos na escuta da Palavra e na assiduidade as fontes da graça.

Adoração e glória a Vos, Trindade e Santíssima, único e sumo Deus!

Sustenta, Pai, com a força do espírito, o empenho da Igreja em favor da nova evangelização e guia nossos passos pelos caminhos do mundo para anunciar a Cristo com a vida, orientando nossa peregrinação terrena a Cidade da luz.

Fazei Pai, que brilhem os discípulos de vosso Filho por seu amor fazia os pobres e oprimidos; que sejam solidários com os necessitados, e generosos nas obras de misericórdia, e indulgentes com os irmãos para obter eles mesmos de Vos indulgência e perdão.

Adoração e glória a Vos, Trindade e Santíssima, único e sumo Deus!

Fazei Pai, que os discípulos de vosso Filho, purificada a memória e reconhecidas as próprias culpas, sejam uma única coisa, de sorte que o mundo creia.

Outorga que se dilate o diálogo entre os seguidores das grandes religiões, de sorte que todos os homens descubram a alegria de ser teus filhos.

Fazei que a voz suplicante de Maria, mãe das gentes, se unam às vozes orantes dos apóstolos e dos mártires cristãos, dos justos de todo povo e de todo tempo, para que o ano Santo seja para todos e para a Igreja, motivo de renovada esperança e de júbilo no espírito.

Adoração e glória a Vos, Trindade e Santíssima, único e sumo Deus!

A Vós, Pai onipotente, origem do cosmos e do homem, por Cristo, o Vivente, Senhor do tempo e da historia, no espírito que santifica o universo, a Adoração, a honra, a glória, hoje e nos séculos sem fim. Amém!