Responsório de Santo Antônio I

Saiba quem busca milagres

Que os enfermos sara Antônio,

Afugenta o erro e a morte,

Calamidade e demônio.

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

Necessidades, perigos,

Faz cessar entre os humanos,

Diga-o quem o experimentou,

E mormente os Paduanos.

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

V. Rogai por nós, bem-aventurado Santo Antônio.

R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos

Alegre, Senhor, vossa Igreja, a intercessão votiva de vosso confessor, o glorioso Santo Antônio, para que se fortaleça sempre com espirituais auxílios, e mereça desfrutar a felicidade eterna.

Por Jesus Cristo Senhor Nosso. Amém.

Responsório II

Santo Antônio de Pádua que em Pádua nascestes e em Portugal te criaste; onde pregou o Senhor, tu pregastes.

Estando pregando o Senhor te revelou que a teu santo pai iam enforcar;

Descestes do púlpito para ir salvar;

O santo breviário perdestes, a Virgem Maria o encontrou,três vezes te disse:

Beato Antônio, Beato Antônio, Beato Antônio volta atrás que o santo breviário encontrarás.

Pelos milagres que tens feito de levar ao menino Deus em teus braços te peço:

Que o perdido seja achado,

Que o afastado seja encontrado

Que o esquecido seja lembrado.

Três certos sinais te peço:

Um galo cantar, uma porta fechar, um menino chorar.

Não é por minha sabedoria, que é pela de Deus e da Virgem Maria.

Reza um Pai-Nosso e uma Ave-Maria.

Responsório III

Se milagres desejais,

Recorrei a Santo Antônio;

Vereis fugir o demônio

E as tentações infernais.

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

Pela sua intercessão

Foge a peste, o erro, a morte,

O fraco torna-se forte

E torna-se o enfermo são.

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

Glória ao Pai, e ao Filho e ao Espírito Santo

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

V: Rogai por nós, bem-aventurado Antônio.

R: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos

Ó Deus, nós vos suplicamos, que alegre à Vossa Igreja a solenidade votiva do bem-aventurado Antônio, vosso Confessor e Doutor, para que, fortalecida sempre com os espirituais auxílios, mereça gozar os prazeres eternos.

Por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém.

Orações em formato pdf

As orações podem ser salvas no seu computador ou impressas