Novena Milagrosa de Santa Paulina

A Primeira Santa Brasileira

Madre Paulina nasceu em Vígolo Vattaro (Itália) em 16 de Dezembro de 1.865.

Era filha de Napoleone Visintainer e Anna Pianezzer.

Em 1.875, Napoleone com sua mulher e cinco Filhos emigraram para o Brasil.

Amabile Visintainer (nome verdadeiro de Madre Paulina) viveu com a família até 12 de Julho de 1.890 quando, com sua amiga Virgínia Nicolodi, deixaram a casa paterna, para cuidar de uma cancerosa, dando inicio à Congregação das Irmãnzinhas da Imaculada Conceição.

Em Agosto de 1.895, o Bispo de Curitiba aprovou a comunidade de Amabile.

Em Dezembro do mesmo ano, ela e suas duas companheiras fizeram os votos religiosos.

Amabile passou a se chamar Irmã Paulina do Coração Agonizante de Jesus.

A santidade e a vida apostólica de Madre Paulina e de suas irmãs atraíram muitas vocações, apesar da pobreza e das dificuldades em que viviam.

Em 1.903, foi eleita Superiora Geral e deixou Nova Trento (SC) onde vivia, para começar a obra com os Filhos de ex-escravos e dos escravos velhos e abandonados no Ipiranga, São Paulo.

Em 1.909, foi mandada para Bragança Paulista, onde trabalhou com os doentes da Santa Casa e com os velhinhos do Asilo São Vicente de Paulo.

Em 1.918, foi chamada para a Casa Geral do Ipiranga, São Paulo.

Foram anos marcados pela oração, pelo trabalho e pelo sofrimento.

Em 1.938, Madre Paulina, que era Diabética, precisou amputar a mão, depois o braço direito, devido a uma gangrena e, aos poucos foi perdendo a vista até ficar cega.

Madre Paulina morreu em 9 de Julho de 1.942, deixando em todos presente a impressão de uma alma Santa que entrava na eternidade, depois de viver sempre com espírito de humildade e simplicidade.

Em 18 de Outubro de 1.991, Madre Paulina foi beatificada pelo Papa João Paulo II.

Primeiro Dia

Madre Paulina, filha de imigrantes.

Oh! admirável Madre Paulina, sendo filha de imigrantes conhecestes as dificuldades de quem tem que deixar sua terra para ir em busca de melhores condições de vida. Inspira no coração de nós, cristãos, um amor comprometido com a causa de tantos migrantes e imigrantes que perambulam por nossas ruas à procura de abrigo, acolhida, pão.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém. Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Segundo Dia

Madre Paulina, um coração para os doentes.

Oh! admirável Madre Paulina, compadecendo-te da dor de uma cancerosa, deixaste a casa paterna com uma amiga e foste cuidar de seu sofrimento. Inspira-nos semelhante carinho para com todos os doentes de nossa família ou comunidade, verdadeiros rostos redivivos de Cristo.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém. Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Terceiro Dia

Madre Paulina, fundadora de uma Congregação.

Oh! admirável Madre Paulina, inspiradas em tua dedicação e amor para com os sofredores, muitas jovens quiseram te seguir na nova Congregação que fundavas. Inspira-nos novamente semelhante vontade de servir aos pobres de hoje em muitas jovens. Que surjam sempre mais vocações Sacerdotais e religiosas para o bem do reino do Pai.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém. Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Quarto Dia

Madre Paulina, apostola junto aos escravos.

Oh! admirável Madre Paulina, na cidade de São Paulo iniciaste um trabalho junto aos Filhos de ex-escravos e escravos velhos abandonados. Que também hoje, inspirados em tua dedicação, muitos cristão possam trabalhar para que a libertação de toda e qualquer forma de escravidão aconteça na sociedade e o Reino de Deus se inicie já aqui.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém. Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Quinto Dia

Madre Paulina, apostola do sofrimento.

Oh! admirável Madre Paulina, sentiste como ninguém o abandono e o sofrimento ao seres destituída do cargo de Superiora a também ao necessitares amputar um braço devido à Diabete que te acometia. Inspira a todos aqueles que sofrem qualquer tipo de abandono ou dor, a mesma confiança em Deus Pai que amais desampara seus Filhos.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém. Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Sexto Dia

Madre Paulina, um coração Missionário.

Oh! admirável Madre Paulina, teu amor missionário levou a que enviasses tuas irmãs inicialmente para o Mato Grosso e, depois, para diversas partes do mundo. Que nosso coração de Igreja esteja sempre mais disposto a dar de nossa pobreza para que outros tenham vida e o Reino de Deus aconteça.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém.

Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Sétimo Dia

Madre Paulina, devota da Eucaristia e Nossa Senhora.

Oh! admirável Madre Paulina, o centro de tua vida era o amor à Eucaristia e a devoção à Imaculada de Lourdes. Que muitos de nós, inspirados em semelhante amor e devoção, possamos realizar em nossas comunidades a partilha que a Eucaristia nos exige e o serviço que Nossa Senhora nos inspira.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada. Por Cristo, nosso senhor. Amém.

Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Oitavo Dia

Madre Paulina, confiante na Providência.

Oh! admirável Madre Paulina, sempre demonstrastes tua confiança na Providência Divina com a frase que dizias: "Seja feita a vontade de Deus." Que também nós, confiantes no Amor do Pai, possamos não desesperar Diante das contradições e injustiças que a vida possa nos apresentar.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada. Por Cristo, nosso senhor. Amém.

Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.

Nono Dia

Madre Paulina, primeira Santa Brasileira.

Oh! admirável Madre Paulina, tuas virtudes e méritos fizeram com que fosses oficialmente declarada pela Igreja como a "Primeira Brasileira elevada à honra dos altares." Que, inspirados em tua dedicação e serviço, muitos cristãos assumam sua vocação de batizados dedicando-se, em suas comunidades, à causa daqueles que mais sofrem e necessitam.

Oração:

Oh! Deus, nosso Senhor e nosso Pai, em que a Madre Paulina depositava toda sua confiança com amor filial, dignai-Vos mostrar que a congregação por ela fundada para a expansão do Reino de Deus e as virtudes heróicas que praticou em toda sua vida Vos foram agradáveis, concedendo-me o favor que Vos peço:... e, se for para honra Vossa, de Maria Imaculada de glória de Vossa Igreja, concedei que vejamos a bem-aventurada Madre Paulina canonizada.

Por Cristo, nosso senhor. Amém.

Rezar meditando nas palavras: um Pai-Nosso, dez Ave-marias e um Glória ao Pai.